• arajara03
  • arajara02
  • arajara01a
  • social
  • arajara04

Teste bem sucedido foi realizado na Europa para detectar tipo de larva.
Estudo com ferramenta foi 90% mais preciso do que teste realizado no solo.

 google-street-view-620-400

O Google Street View, um aplicativo que permite ver detalhes de um local, como a rua de uma cidade, pode ser uma arma poderosa na luta contra as espécies invasoras, afirmaram biólogos franceses nesta quinta-feira (10).
Uma equipe de cientistas da Agência Nacional Francesa para a Pesquisa Agrícola (INRA) usou a ferramenta on-line, que fornece imagens em 360 graus de ruas filmadas por carros equipados especialmente, para mensurar a disseminação de um inseto que mata as árvores.


traça (Foto: Chiswick Chap/Wikimedia Commons)
Imagem mostra ninho formado pela traça-processionária do pinheiro (Foto: Chiswick Chap/Wikimedia Commons)A traça-processionária do pinheiro (Thaumetopoea pityocampa) é uma criatura comedora de folhas nativa do sul da Europa, mas que sobe para o norte do continente e altitudes mais elevadas quando as temperaturas sobem.
Sua comida favorita é o pinheiro-larício (Pinus nigra), usado extensivamente em florestas de manejo na Europa e jardins ornamentais.
No outono, as larvas da traça constroem um ninho para se abrigar no inverno, uma casa facilmente avistada feita de seda branca e brilhante na extremidade dos galhos, o que lembra uma lâmpada cheia de pelos. Usando isto como um indicador, os cientistas "circularam" por uma grande área com o Google Street View para mapear regiões invadidas pela traça.
Mapeamento digital
A área de 47 mil km² - maior do que a Holanda - foi dividida em uma grade com 183 "células" de larga escala, cada um medindo 16 km por 16 km. Quando um ninho foi detectado, a "célula" foi marcada como infectada.
Os resultados do Google Street View foram 90% mais precisos do que um teste realizado no solo por uma pessoa, que percorreu a área de carro. No entanto, a ciber-marcação teve menos sucesso em um teste diferente realizado em escala menor.
Uma área de testes de 121 km² foi dividida em células menores, mas o Google Street View teve um desempenho inferior, em parte devido à falta de rodovias em alguns lugares.
No começo do ano, um estudo-piloto similar, realizado por biólogos espanhóis mapeou áreas no norte da Espanha que poderiam ser hábitats em potencial para duas espécies de abutre, provando a utilidade do Google Street View para a identificação de espécies em risco de extinção e invasivas. Ambos os estudos foram publicados no periódico "PLoS One".

Fonte: http://g1.globo.com/natureza/

Clique aqui para acessar

banner socialempresarial

FanPage do Arajara

facebook arajara

Promoções

tag promo home

 

coleta seletiva lixoO Instituto Arajara em parceria com o Instituto Federal de Educaçao, Ciências e Tecnologias (IFCE), Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio), Prefeitura Municipal de Barbalha, Secretarias de Educação e Meio Ambiente de Barbalha, estão desenvolvendo o seguinte projeto ‘COM O ARAJARA EM AÇÃO NÃO SE ENCONTRA LIXO NO CHÃO’.
Professores do Instituto Federal, trazem seus alunos e vão as escolas publicas do entorno do Arajara Park que juntamente com seus professores e alunos, promovem aulas de educação ambiental, enfatizando os cuidados com o lixo. Os alunos de baixa renda recolhem o lixo do entorno, trazem para o Instituto Arajara, sob a supervisão do IFCE e trocam o lixo por entrada ao Parque Aquático, tornando-se assim um projeto sócio-ambiental de extrema relevância.

rppn No Arajara Park está a única RPPN (Reserva Particular do Patrimônio Natural), do Sul do Ceará, reconhecida pelo Ministério do Meio Ambiente. Está sendo elaborado um plano de manejo que contempla nesta área especifica, educação ambiental, ecoturismo e pesquisa cientifica.

Clique na imagem para ampliar

gruta do_fariasLocalizada no Município de Barbalha, no sopé da chapada do Araripe, próximo ao disrito de Arajara, é uma gruta arenítica, da idade do cretáceo inferior, com cerca de 100 milhões de anos, onde existem registro de vida pré-histórica  e 150m de extensão. No seu teto encontram-se conjuntos de espeleotemas de grande beleza cênica, sendo a única gruta arenítica do ceará com água e a maior do nordeste, donde jorram, segundo o DNPM – Departamento Nacional de Produção Mineral, cerca de 200 mil litros de água por hora.

soldadinho do araripe


Descoberto nos arredores da Gruta do Farias – Arajara Park, na cidade de Barbalha - Ceará em Dezembro de 1996 por Galileu Coelho e Weber Silva. Esse passaro é símbolo de conservação da Chapada do Araripe – Decreto municipal Nº 24/2009. Única espécie existente no planeta que só habita no sopé da Chapada do Araripe.

Está ameaçado de extinção, com cerca de 800 exemplares. Tem a Gruta do Farias e suas levadas como habitat preferido.

Para contribuir com a preservação do soldadinho foram cultivadas plantas que dão frutos e alimentos, na diversidade que a espécie requer, para sua conservação e procriação.

Sobre esse belo pássaro, foram feitos e publicados vários estudos científicos.